SC Régua 3 - 0 GD Vilar de Perdizes
14 Fev 2016 - 15:00Estádio Municipal Artur Vasques Osório - Peso da Régua

Ficha de Jogo

Estádio Municipal Artur Vasques Osório

Árbitro: Gonçalo Martins

 

SC Régua: Cláudio, Luisinho (José Nuno), Daniel Valente (Hugo Ferraz), André Silva, Simão, Nuno Ferraz (Rafa), António, Zé Pedro, João Nuno, Márcio e Diogo Jerónimo.

Cartões Amarelos: Diogo Jerónimo (2) e Márcio

Cartão Vermelho: Diogo Jerónimo

Golos: João Nuno 26’ e 52’ e Luisinho 79’

Treinador: João Valente

 

Vitória do SC Régua com categoria e classe

Grande jogo este que se previa no Estádio Artur Vasques Osório entre o 3ª e 2ª classificados no campeonato. O SC Régua em caso de vitória passava para o 2º lugar isolado e diga-se a verdade, não deu a mínima hipótese ao seu adversário.

O SC Régua desde cedo imprimiu muita intensidade ao jogo, frente a um Vilar de Perdizes com jogadores experientes mas que neste jogo estiveram desinspirados.

Aos 15 minutos o primeiro lance de perigo para o SC Régua com Diogo Jerónimo de pé esquerdo e de primeira a rematar com perigo á baliza visitante. Aos 20 minutos, canto para os visitados e desta vez um defensor do Vilar de Perdizes a tirar a bola em cima da linha de golo. A pressão do SC Régua aumentava e aos 25 minutos, António tem uma grande jogada individual onde finta dois adversários dentro da área mas o guarda-redes visitante faz uma grande defesa ao remate do extremo reguense.

Na sequência ainda da mesma jogada e após insistência atacante do SC Régua, João Nuno chega ao golo, depois de um cruzamento da esquerda. O Vilar de Perdizes não se encontrava em campo e não conseguia controlar o futebol rápido e bonito do SC Régua.

Perto do minuto 45, André Silva de cabeça quase marca o segundo golo. A bola passou perto do poste da baliza. Ao intervalo vantagem justa dos Reguenses.

Na segunda parte esperava-se um Vilar de Perdizes mais atrevido, até porque, o seu treinador já tinha feito uma alteração ainda antes do intervalo para mudar o rumo do jogo mas o SC Régua e jogar em sua casa mostrou todo o seu poderio. Logo aos 52 minutos, e depois de um cruzamento para a área, novamente o ponta de lança João Nuno viria a faturar, para o segundo golo Reguense.

As coisas para o Vilar de Perdizes poder-se-iam complicar ainda mais quando de cabeça perdida, Jonas perto da linha lateral sem qualquer necessidade viria a pontapear João Nuno e a ver o cartão vermelho direto. Nada a dizer neste lance. Só que, volvidos apenas dois minutos, o árbitro da partida Gonçalo Martins tem um erro grave. Diogo Jerónimo após uma jogada individual, sofre falta mas aguenta o choque e continua a jogada, onde viria a cair na área. O árbitro bem deixou seguir a jogada mas ao ver cair o avançado reguense, mostra-lhe o segundo amarelo por simulação de grande penalidade. Erro grave. Gonçalo Martins deveria ter marcado a falta anterior não beneficiando assim a equipa que defende.

Apartir do minuto 58 as equipas passavam a jogar, 10 contra 10, tornando também aqui um jogo bem quentinho dentro das 4 linhas, com algumas entradas duras desnecessárias e com algumas atitudes dos jogadores do Vilar de Perdizes absolutamente reprováveis. Possivelmente não pensavam vir perder á Régua mas pior do que isso, estavam a levar um banho de bola. Prova disso, as atitudes de Vasques e J. Tunes, jogadores visitantes que tiveram gestos obscenos e palavras ofensivas para o público. Comportamentos reprováveis que incendiaram ainda mais os ânimos e que passaram ao lado da equipa de arbitragem.

O SC Régua não parava e aos 75 minutos tem mais uma boa oportunidade para marcar. Jogada rápida do SC Régua e Rafa dentro da área não consegue bater o guarda-redes visitante. António ainda na recarga tenta o chapéu mas o guardião faz uma grande defesa.

Aos 79 minutos, o SC Régua chega ao terceiro golo. Bola na defensiva visitante que parecia controlada pelo seu guarda-redes mas Márcio muito rápido rouba a bola e depois de uma jogada individual, serve Luisinho que de fora da área marca um grande golo.

Em cima do minuto 90, Zé Pedro não marcou o 4º golo por mero azar. Cruzamento de António na direita e junto ao poste mais distante, o médio reguense falha por pouco o golo.

Vitória justa e merecida do SC Régua, frente a um Vilar de Perdizes que nunca criou perigo para a baliza de Cláudio. A equipa reguense fez mais um grande jogo e demonstrou é das melhores equipas a jogar futebol nesta divisão de honra.

O árbitro Gonçalo Martins teve uma arbitragem razoável mas com alguns erros. Deveria ter mais pulso firme para algumas jogadas duras e errou no lance do segundo cartão amarelo a Diogo Jerónimo. Até poderia aceitar-se a simulação de falta mas antes o jogador sofre falta que deveria ter sido marcada.

Pelo Régua… Tudo!!!

 

Fcardoso1

Fotos e Vídeo: Eduardo Ribeiro (SC Régua)

Scregua_Vilardeperdizes_201516_2 Scregua_Vilardeperdizes_201516_3 Scregua_Vilardeperdizes_201516_4 Scregua_Vilardeperdizes_201516_5 Scregua_Vilardeperdizes_201516A