SC Régua 2 - 0 FC Santa Marta
30 Abr 2017 - 16:00Estádio Municipal Artur Vasques Osório - Relvado Sintético - Peso da Régua

29ª Jornada da Divisão de Honra da AF Vila Real / 30 de Abril de 2017

Estádio Artur Vasques Osório

SC Régua 2 – FC Santa Marta 0

Árbitro: Carlos Teixeira

 

SC Régua: Gabi, Alberto, Úmaro, Xandão, Patrick (Gonçalo Melo), Caio, Nando, Luisinho (Henrique), Quinzinho, Tozé (Tiago) e Gael.

Cartões Amarelos: Tiago, Alberto e Xandão

Golos: Quinzinho 3´e Úmaro 49’

Treinador: Marco Maleiro

 

SC Régua vence Derby Regional

Derby regional disputado no Artur Vasques Osório, numa tarde fria de Primavera. Ambas as formações apresentavam duas ausências de peso nos 11 iniciais. O Guardião Bruno Alves ausente por castigo e Kostadinov talvez por lesão. Marco Maleiro surpreendeu ao apresentar uma equipa com 3 centrais e que de alguma forma apanhou o Santa Marta desprevenido. Começou a todo o gás a formação da casa com um lance de perigo logo no primeiro minuto mas a defensiva visitante conseguiu afastar o perigo. No entanto ao minuto 3, Alberto tem uma excelente arrancada pela direita bem ao seu estilo e cruza para Gael mas este não consegue finalizar de primeira mas a bola sobra para Quinzinho que não desperdiça a oportunidade de marcar á sua ex-equipa.

O Santa Marta não conseguia suster a forte pressão Reguense e aos 8 minutos o mesmo Quinzinho quase bisa na partida. Remate fora da área que bate num defensor visitante e por pouco não faz um chapéu a Gato que evita o golo com uma grande defesa. Volvidos apenas 3 minutos é a vez de Tozé ter um remate que saiu a rasar o poste.

A formação do Santa Marta, sentia e de que maneira a ausência do seu melhor marcador e não se encontrava em campo, sendo uma presa fácil para a defensiva reguense. O meio campo do SC Régua, principalmente através de Nando e Luisinho controlavam o jogo com grande categoria.

De referir que nesta primeira parte o guardião reguense e ainda Júnior Gabi, foi quase um mero espectador, apenas chamado a intervir em bolas fáceis.

Na segunda parte esperava-se um Santa Marta mais atacante mas tal como começou a primeira, também a segunda foi igual com mais um golo do SC Régua. Canto marcado por Caio e nas alturas Úmaro de cabeça a marcar o segundo golo Reguense.

O jogo estava decidido já no início da segunda parte com um SC Régua a dominar na totalidade o encontro perante um Santa Marta que se esperava muito mais.

O SC Régua continuou sempre com um futebol rápido e de ataque, colocando várias vezes á prova o guardião Gato. No Santa Marta, apenas o incomodado Diogo Jerónimo, ex-SC Régua rumava contra a maré mas sozinho não conseguia levar perigo á baliza reguense.

Já em cima do minuto 90, Quinzinho remata ao poste da baliza visitante, podendo aqui ter colocado mais justiça no marcador.

Vitória clara e inequívoca do SC Régua que tal como na 1ª volta, apesar do empate a duas bolas, foi claramente superior ao seu adversário. Uma palavra para o guardião Gabi que apesar de ainda Júnior mostrou sempre uma grande tranquilidade entre os postes dando segurança á defensiva reguense.

Destaque ainda para a última substituição no jogo com a saída de Patrick que fez no Artur Vasques o possivelmente, último jogo da sua carreira futebolística. O capitão reguense sempre muito acarinhado por todos os adeptos e que tinham um grande orgulho e prazer em o ver vestir a camisola deste glorioso clube. Um jogador que ficará para sempre na história do SC Régua com um exemplo de dedicação e profissionalismo, sempre com um enorme fair play. Seria muito bom que pudesse continuar a ajudar o SC Régua. Patrick é e será sempre um capitão com C grande. Um senhor no futebol com uma carreia invejável.

Arbitragem regular de Carlos Teixeira que apenas pecou por não ter mostrado mais cartões amarelos.

Pelo Régua… Tudo!!!

 

Fotos: Eduardo Ribeiro (SC Régua)