16ª Jornada da Divisão de Honra da AF Vila Real / SC Régua 3 – FC Santa Marta 0

16ª Jornada da Divisão de Honra da AF Vila Real / 21 de Janeiro de 2018

Estádio Municipal Artur Vasques Osório

SC Régua 3 – FC Santa Marta 0

Árbitro: Adolfo Bernardo

SC Régua: Bruno Santos, Alberto, Nuno Peixoto, Úmaro (Nando), Caio, Candé, Zé Pedro, Juninho (Tozé), Márcio (Bé), Daniel (Tiago Gomes), Musa.

Suplentes não utilizados: André Aranha, Zé Miguel e Paulo Machado.

Cartões amarelos: Nuno Peixoto, Caio, Zé Pedro e Tozé

Golos: Juninho 43’, Musa 52’ e Daniel 80’

Treinador: Marco Maleiro

 

FC Santa Marta: Gato, Simão (Coutinho), Samuel, João Mário, Gabi (Rafael Gonçalves), Diogo Seminário, Schuster, Miguel, Simon (Pedro), João Nuno e Kostadinov.

Suplentes não utilizados: Hugo Santos, Rafael Pereira, Dino e Ricardo Borges

Cartões amarelos: Kostadinov, João Mário, Gabi e Samuel.

Treinador: Armando Coutinho

 

SC Régua vence com toda a justiça no Derby Duriense

Jogo no Estádio Artur Vasques Osório, num derby duriense entre duas equipas com objetivos diferentes no campeonato. O SC Régua a lutar pela subida de divisão, queria vencer e vingar de certa forma a única derrota na prova até ao momento, frente ao Santa Marta na primeira volta. Logo no primeiro minuto de jogo Daniel tem uma excelente oportunidade para marcar mas isolado permite a defesa com os pés de Gato.

Depois deste lance inicial o jogo tornou-se mais monótono com o SC Régua e tentar explanar o seu futebol mas encontrou pela frente uma formação do Santa Marta bem organizada e que tentava contrariar a formação Reguense. Aos poucos e poucos os visitantes iam subindo no terreno e tentando criar perigo na defensiva reguense. Aos 24 minutos num livre direto de João Nuno, Bruno Santos faz uma boa defesa e evitar o golo.

Aos 33 minutos, grande penalidade assinalada a favor do SC Régua. Após defesa incompleta de Gato, Márcio na recarga é carregado pelas costas. Falta indiscutível que o árbitro assinalou e bem. Na conversão o guardião Reguense chamado a marcar o penalti, permite a defesa de Gato.

A toada atacante reguense mantinha-se e adivinha-se o golo Reguense e o mesmo chegou á passagem do minuto 43. Jogada na direita de Zé Pedro que serve Juninho e este de primeira marca o golo. Resultado justo ao intervalo.

Na segunda parte a equipa da casa entrou forte e logo aos 52 minutos vai chegar ao segundo golo. Livre na esquerda num lance estudado entre Caio e Musa onde enganam a barreira e Musa remata rasteiro para o golo.

O Santa Marta tentava reagir mas a equipa da casa controlava sempre as operações e o jogo estava numa toada onde se adivinhavam mais golos. O SC Régua tentava sempre em jogadas rápidas criar perigo junto da baliza de Gato mas a defensiva Penaguiota conseguia evitar mais investidas.

Aos 80 minutos, Daniel aponta um grande golo. Finta a defensiva do Santa Marta e apercebendo-se do constante adiantamento no terreno de Gato faz um chapéu de grande qualidade. Um golo de levantar o estádio.

Vitória justa do SC Régua que mostrou ser melhor equipa e provou que a derrota na primeira mão foi injusta. Não fossem fatores alheios nesse jogo e a equipa poderia neste momento estar no primeiro lugar do campeonato.

O árbitro Adolfo Bernardo teve alguns erros, ajuizando mal alguns lances. Destaque para Daniel que foi engravatado por um defesa do Santa Marta e o árbitro da partida marcou falta ao contrário.

Pelo Régua… Tudo!!!

 

Fotos: Eduardo Ribeiro (SC Régua)